Notícias

Estreia do VW Gol G7 em Londrina superou as expectativas de Leandro e Wanderson Freitas.

11/04/2019

Atuais bicampeões brasileiros (2017 na categoria A e em 2018 na 2A), os mineiros Leandro e Wanderson Freitas estrearam na primeira etapa em Londrina um novíssimo Volkswagen Gol G7 e de cara o carro apresentou um excelente desempenho, conquistando a pole position, duas vitórias e uma melhor volta nas quatro corridas disputadas. Wanderson comentou conosco um pouco do processo da construção do bólido e dos resultados já obtidos.

"O projeto do VW Gol G7 começou no início de 2018. A princípio iríamos montar com motor AP cambio autolatina simplesmente pelo fato de aproveitar as peças que tínhamos do Gol "bola", inclusive a marca escolhida, VW, foi para também aproveitar algo do antigo carro que pudesse ser igual, por exemplo, o eixo traseiro, amortecedores, que utilizamos os mesmos, e etc. Em meados de 2018, resolvemos migrar para o motor EA111 devido ao custo/benefício ser melhor, visto que já existe a dificuldade de encontrar peças para o motor AP que já passam a ser extintas no mercado. Vindo de um bicampeonato, sendo uma delas pela Classe 2, (onde se utilizam os carros fabricados até 2016) existia uma certa cobrança de chegar na Classe 1 já andando bem. Cobrança essa que não era nossa, pois tínhamos a real ciência que um carro novo, desconhecido até então pela equipe e ainda um motor que também era novidade para nós, existiria um trabalho a ser feito, um longo caminho a ser percorrido para evolução do carro. Graças ao bom relacionamento da equipe, tivemos boas informações de equipes parceiras como a Ymagava Racing, que nos deu um norte para que etapas da evolução do carro fossem puladas. Tivemos um apoio importante também da Stumpf Cabeçotes que já fornecia o cabeçote do EA111 para algumas equipes do certame e principalmente contamos com uma equipe de excelentes e experientes profissionais da Equipe Stumpf Preparações que tiveram o cuidado e minunciosidade na preparação de cada detalhe para que o carro chegasse competitivo na primeira etapa.", explicou Wanderson sobre os processos de construção do carro.


"Wanderson fez um treino com o Gol #77 mês antes da primeira etapa, em Cascavel (sede da equipe Stumpf Preparações), e o carro apresentou zero problemas, então, nossa primeira impressão era de que tínhamos um bom carro. O fato de não ter problema nos dá tempo para evoluir no acerto do carro e ter a confiança de um carro que consegue enfrentar as quatro corridas. De toda forma, ainda achávamos que seria uma árdua batalha para chegar nos tempos dos pilotos da classe 1, alguns com desenvolvimento há bastante tempo. E assim foi, trabalhamos duro, a equipe usou de todo seu esforço e conhecimento para aprimorar todas as deficiências tanto de motor e acerto de chão que encontramos no carro em Cascavel e partirmos para Londrina. Não esperávamos realmente fazer a pole e ganhar duas corridas, contamos também com a sorte de algumas equipes que eram favoritas em Londrina terem tido alguns problemas com o carro na classificação, então foi realmente mais do que esperávamos. Sem, em momento algum, tirar o mérito da nossa equipe que fez um belo e minucioso trabalho em todos os sentidos para nos entregar um carro de ponta apto a disputar pelas primeiras posições." finalizou Wanderson.

Com os resultados obtidos em Londrina, Leandro e Wanderson começaram a temporada 2019 na liderança da categoria "1S". A segunda etapa será nos dias 10 e 11 de maio no belo Autódromo Internacional Dr. Nelson Luiz Barro em Guaporé/RS. Fique ligado em nossas redes sociais e não perca nenhuma das novidades.